Bexiga Hiperativa

A Bexiga Hiperativa

O que é

A bexiga hiperativa se caracteriza pela contração involuntária de alguns músculos da bexiga e acomete, aproximadamente, um a cada cinco brasileiros. Em termos mundiais, ela atinge 1,12 bilhões de pessoas – o equivalente a toda a população da Índia. 

Para se ter uma ideia, em situações normais, a bexiga consegue acumular de 400 a 500 ml de líquido. Já quem apresenta bexiga hiperativa sente vontade incontrolável de urinar a partir de 150 a 200 ml de líquido – em alguns casos, ocorrendo perda de urina.


Importante
É comum a bexiga hiperativa ser confundida com a incontinência urinária, mas elas não ocorrem necessariamente juntas, já que uma pessoa pode ter bexiga hiperativa e não apresentar perda urinária, e vice-versa.

A tabela a seguir ilustra as características das duas disfunções e pode auxiliar na sua identificação. Mas lembre-se: somente o médico urologista pode confirmar o diagnóstico correto.

Incontinência Urinária
Bexiga Hiperativa
  Definição
Há perda involuntária de urina.
É uma junção dos seguintes fatores:
urgência para urinar;
mais de oito idas ao banheiro, de dia e de noite; pode haver ou não perda de urina.
  Causa
Doenças e situações – temporárias ou permanentes.
Neurogênica ou idiopática (veja abaixo)
  Incidência
Homens, mulheres e crianças.
Homens e mulheres, com incidência maior no sexo feminino.

Embora a bexiga hiperativa seja mais comum em pessoas idosas, é importante saber que a disfunção não é normal nesta e emnenhuma outra idade, devendo ser tratada igualmente em todas as faixas etárias.

Também há grande incidência da doença em cadeirantes, portadores de esclerose múltipla e pessoas com algum tipo de lesão medular.

Apesar de ser um problema comum e interferir de forma importante na qualidade de vida, poucas pessoas procuram o urologista, geralmente por causa da vergonha de falar sobre o assunto. Porém, quanto mais tarde a bexiga hiperativa for diagnosticada, mais problemas ela pode gerar, tais como infecções sérias no trato urinário e interferência na função renal.

Consulte um médico e tire suas dúvidas.

 

Saiba mais